Gigabox S1100 Nova Atualização Modificada SKS 61w ON - 22/02/2020 - Lista de iptv de filmes e atualização de receptores az

Saturday, 22 February 2020

Gigabox S1100 Nova Atualização Modificada SKS 61w ON - 22/02/2020

Gigabox S1100 Nova Atualização Modificada SKS 61w ON - 22-02-2020
Gigabox S1100 Nova Atualização Modificada SKS 61w ON Amazonas - 22/02/2020. Para adicionar a atualização no Gigabox S1100, faça um reset de fabrica antes, depois de feito a atualização faça novamente outro reset de fabrica.

Atualizando : Serão necessario duas atualizações, primeiro coloque a primeira atualização e depois faça com a segunda atualização. Não faça colocando a segunda e depois a primeira, caso contrario vai travar o receptor. Depois de tudo feito configure o aparelho e faça a busca de canais no 70w e boas flores.

Gigabox S1100 usando IKS Keys

IKS : seu receptor recebe as keys via internet e os canais são decodificados, você conecta o receptor a internet usando cabo rj45 ou wifi, Dessa forma, irá receber as keys e enviá-las corretamente para o receptor, conseguindo liberar os canais do satélite Star One C2.

Gigabox S1100 usando SKS Keys

SKS : partilha das Chaves via satélite para desbloqueio dos canais, nesse modo uma antena é conectada no tuner 1 e a outra no tuner 2, sendo que a do tuner 2 é a que faz o desbloqueio.

Gigabox S1100 usando CS

CS : você conecta ao servidor usando, login, senha, url, porta e key, assim conectando ao servidor ele libera os canais da operadora, as chaves de desbloqueio é enviado do servidor do cs para o receptor. assim liberando a grade de serviço, mas lembrando que esse tipo de serviço é cobrado.

Qual melhor Satélite para usar SKS Keys 2020

Satélite : O melhor satélite para Keys é o 63W Telstar 14R conhecido como Estrela do Sul 2, O outro satélite é 61W Amazonas, os dois satélite são os mais usados abrindo ACM e CCM nos servidores.

Satélite para usar no Gigabox S1100 em SKS Keys

61W : O Amazonas 1 é um satélite de comunicação geoestacionário, da série Eurostar 3000S, foi construído pela Astrium, do grupo EADS, mesma fabricante dos satélites 1A e 1B da Hispasat. O satélite foi lançado pela ILS através do PROTON M Breeze M, no Cazaquistão, em 4 de agosto de 2004, às 22:32 UTC

63W : O Telstar 14R (também conhecido como Estrela do Sul 2) é um satélite de comunicação geoestacionário construído pela Space Systems/Loral (SS/L), ele está localizado na posição orbital de 63 graus de longitude oeste e é administrado pela Telesat Canada, com sede em Ottawa, Canadá. O satélite foi baseado na plataforma LS-1300 e sua vida útil estimada é de 15 anos.

67W : O SES-10 é um satélite de comunicação geoestacionário que foi construído pela Airbus Defence and Space. Ele está localizado na posição orbital de 67 graus de longitude oeste e é operado pela SES. O satélite foi baseado na plataforma Eurostar-3000 e sua expectativa de vida útil é de 15 anos.

75W : O Star One C3 é um satélite de comunicação geoestacionário brasileiro construído pela Orbital Sciences Corporation que está localizado na posição orbital de 75 graus de longitude oeste e é operado pela Embratel Star One, uma empresa subsidiária da Embratel.

89W : O Galaxy 28 (G-28), anteriormente conhecido por Intelsat Americas 8 (IA-8) e Telstar 8, é um satélite de comunicação geoestacionário construído pela Space Systems/Loral (SS/L). Ele está localizado na posição orbital de 89 graus de longitude oeste, servindo o mercado estadunidense e é de propriedade da Intelsat, empresa sediada em Luxemburgo. O satélite foi baseado na plataforma LS-1300S e sua vida útil estimada é de 15 anos. Este satélite fornece serviços de banda C, banda Ku e banda Ka.

107W : O Anik G1 é um satélite de comunicação geoestacionário canadense da série Anik construído pela Space Systems/Loral. Ele está localizado na posição orbital de 107,3 graus de longitude oeste e é administrado pela Telesat Canada, com sede no Canadá.